Bota Nômade Titã


Primeiramente, antes mesmo de descrever as características dessa bota e de falar que essa bota é excelente vou contar uma pequena historinha para ilustrar um pouco a minha avaliação positiva, tanto da bota como da própria empresa Nômade:

Eu comprei em 2005 uma bota da Nômade chamada de "Cronos", que é uma bota totalmente feita de couro, e era o tipo de bota que eu já estava acostumado a usar, era um tanto pesada se comparado a bota que estou avaliando e bem mais leve do que algumas botas da Snake e também a algumas importadas. Achei que era uma boa aquisição, mas não foi não, pois em uma simples trilha a bota acabou inflamando o osso do meu calcanhar, é isso mesmo!!! A bota inflamou o osso do meu calcanhar!


Puto da vida com a bota acabei publicando em um fórum na internet essa minha fatídica história, e por surpresa minha recebi um email do próprio dono da Nômade. Ele educadamente me pedira desculpa pelo ocorrido e para que eu encaminhasse a minha bota para a fábrica da Nômade para que eles pudessem fazer uma análise do que tinha ocorrido no meu pé e me pediu para que eu contasse um pouco do que tinha ocorrido.

Após alguns dias depois, ele disse que minha bota e o ocorrido com meu pé foram analisados por muita gente, e eles acabaram levando esse problema junto com a minha bota para o "V Congresso Brasileiro de Biomecânica do Calçado" promovido pelo IBETC e que esse assunto foi discutido até com o "Dr. Stephan Grau", coordenador do laboratório de biomecânica da Universidade de Essen, na Alemanha que é uns dos maiores mestres em Biomecânica do calçado do mundo.


Eu e minha Titã no Alto do Morro do Castelo - Chapada Diamantina - BA

Depois de muito estudo e discussão, eles (o pessoal da Nômade) chegaram a conclusão que precisavam modificar algumas medidas na forma (shape) que é na verdade seria um verdadeiro upgrade biomecânico em toda a linha de botas. Esse upgrade era para obter um nível de conforto ainda maior, um melhor aproveitamento biomecânico e um maior índice de "calce".

O "calce" é uma média que é a relação do formato do pé de uma população em relação ao formato do calçado, ou seja, aquele sapato que aperta seu dedinho significa que o seu pé não se encaixou do shape, ou seja, está fora do "calce". Com essa reformulação a Nômade ia construir uma forma que obteria pelo menos 95% de calce da população brasileira. A media nacional é, pasme, 60%, ou seja um calçado veste bem somente 6 em 10 consumidores.

Após essa grande reformulação eu recebi de volta, além da minha bota Cronus o novo lançamento da Nomade (abril de 2006) que era a Bota Titã, que é uma bota feita inteiramente de cordura, que tem uma biqueira de borracha, solado Vibram e que também era impermeável. Recebi essa bota as vésperas de uma viagem para o Rio Grande do Sul e eu nem pensei duas vezes, coloque-ia no pé sem amacia-la e fui trilhar por aquelas terras.


Tenho essa bota a mais de 4 anos e depois de andar mais de 3 mil quilômetros com ela eu posso afirmar que a Titã é a melhor bota que já usei, ela em nenhum momento me deixou na mão ou me machucou, ela é a bota ideal para andar em nossas matas, mas também já fui para fora do país com ela e também não decepcionou. Eu já usei além dos coturnos de antigamente, usei botas nas marcas Snake, Asolo e Solamon, além de algumas botas de marcas desconhecidas que nem existem mais, mas nenhuma tão confortável quanto a Titã.

O grande diferencial dessa bota é mesmo o conforto e a leveza, o resto está na média junto com as outras. Como ela é feita de um pano acaba conciliando facilmente esses dois quesitos, a leveza e conforto, e como o pano usado é o Cordura ela também fica bem resistente. A minha bota até hoje tem condições de uso. Em nenhum momento ela descolou, em nenhum lugar, diferentemente de uma bota minha da Snake que já mandei para a fábrica para colar algumas vezes.

Só para ter idéia do conforto que ela proporciona, em 2007 em uma viagem para o Monte Roraima na Venezuela eu só percebi que tinha esquecido as palmilhas da bota em minha casa no segundo dia de caminhada, mas consegui completar toda a viagem sem que ela me machucasse e sem bolhas, mesmo sem as confortáveis palmilhas.

Um ponto regular da Titã é o solado, que é o Vibram chamado de "Outdoor", tem muita gente que acha que só porque é Vibram é bom, mas não é nada disso, o nosso Vibram não é o mesmo solado que é fabricado na Itália. Esse solado é fabricado em uma fábrica aqui no Brasil com especificações totalmente diferentes do solado original. O que eu posso dizer dele é que ele é resistente a abrasão mas é muito ruim na aderência. Tem até um outro solado Vibram que era chamado de '"Try Run" que de tão ruim ele foi parado de ser fabricado.

Um ponto que precisa ser revisto na Titã são os "ferrolhos" onde amarramos os cadarços, que depois de muito tempo e muita umidade eles acabam enferrujando, tem até um na minha bota que já caiu. Outro ponto que precisamos levar em consideração é a sua impermeabilidade que depois de muito tempo andando em charco, a película que dá essa característica de impermabilidade fica encharcada e acaba o pé ficando um pouco molhado, mas não se preocupe, pois praticamente todas as botas que possui a característica de respirável e impermeável possui e esse problema.

Outro ponto positivo é sua biqueira de borracha que garante uma proteção extra para o pé, e também outro ponto positivo é sua palmilha que é a mais confortável palmilha que já calcei.

Só tenho elogios para essa bota, mas pode existir algumas pessoas que a bota não se encaixe direito no pé, ou seja, está fora do "calce". Essas conclusões que escrevo aqui é apenas a minha experiência pessoal com ela. Não fiz pesquisas de satisfação, enquetes e muito menos distribui formulários de avaliação, o que relato aqui é apenas uma avaliação pessoal. Por isso mesmo, antes de comprar sua bota faça uma avaliação você mesmo sempre julgando os prós e contras de cada modelo. Quem sabe você não encontra uma bota com um "calce" de 100% para seu pé.

 

Artigos Relacionados:

comentários  

 
0 #22 Torto 04-12-2015 19:01
só tenho um comentário para essa bota:

Ela é sagaz!

O resto é resto.

Está pra nascer uma boa mais fdp de boa que ela!
Citar
 
 
0 #21 04-01-2015 21:46
O grande defeito na minha opinião e com relação a impermeabilidad e , a minha aos 7 meses de uso deixava o pé ficar úmido , fora isso e um boa bota , mais não sei se compraria outra já que não e uma bota tão barata para a impermeabilidad e acabar tão rápido .
Citar
 
 
0 #20 30-10-2012 07:03
Estou numa duvida danada.Anteriormente estava voltado para a bota da snake mas não gostei muito dos comentarios(não dá para saber quais os mais seguros).Explorei mais os comentarios sobre a bota Nômade titã e me parece que são mais pertinentes devido às diversas experiências dos usuários.
Citar
 
 
0 #19 Hugo Mendes Ferreira 29-09-2012 07:55
Realmente a bota é muito boa, resistente e possue um visual bacana.

Porém no quesito aderência terei que concordar com alguns colegas, ao andar sobre pedras molhadas escorrega muito.

Mesmo assim indico, muito boa.
Citar
 
 
0 #18 22-07-2012 13:31
O problema e que as botas não tem nada de impermeável.
Citar
 
 
+3 #17 06-01-2012 12:41
Além disso a Nômade agora se superou, pois lançou o modelo com CA. Desta forma nós biologos, engenheiros, geologos podemos trabalhar em áreas que exigem o certificado de aprovação de maneira bem mais confortável
Citar
 
 
+3 #16 Iêda 18-11-2011 08:54
Tenho uma bota Titan da Nômade, em julho deste ano tive a oportunidade de testá-la em um trekking realizado na Chapada da Diamantina, usei a bota por 6 dias consecutivos...Cachoeira da fumaça, Travessia do Pati, Cachoeira do Alto, Castelo dentre outros. A bota me surpreendeu em todos os quesitos: impermeabilidad e, conforto e em resistência, embora ã bota não seja nada feminina optei em adquirir uma depois de colocá-la nos pés e prová-la. Recomendo.
Citar
 
 
0 #15 20-09-2011 22:22
Muito bom o review. Também tenho uma Titã com vibran outdoor e já levei um tombo fenomenal com ela, daqueles tombos totalmente bobos e inesperados em pedra húmida, algo que nunca tive com os solados Amazonas de outras botas (tanto que nunca imaginaria um tombo daqueles com uma bota mais, digamos, "técnica"). Tenho tb uma traveler com solado Amazonas, e nesse sentido deu para ver a diferença no quesito aderência. E tenho também uma peregrino... o que demonstra que, mesmo com o susto, tb curto muito as Nômade.

Uma pergunta: como as Nômades se comportaram em terreno quente, como a Bahia? A impressão é d que elas, como toda bota, são quentes pra caramba, mas e aí, é só impressão minha?
Citar
 
 
0 #14 Otavio 20-05-2011 12:14
Concordo com a análise, uma das melhores que já usei.
Citar
 
 
0 #13 15-02-2011 21:08
Cara, legal a analise da bota, mas eu acho que ninguém deveria comprar uma bota sem antes experimentar, andar um pouco dentro da loja testar em uma rampa (se a loja tiver) para er certeza que a bota serve...

Cada um tem um tipo de pé e uma bota que pode ser ótima para um, pode horrível para outro...

Qt a impermeabilidad e, acho que as botas pro Brasil, ao menos sudeste, não deveriam ter uma membrana... um tecido denso e um tratamento para repelir água seriam ideais no meu ponto de vista...


Abç
Citar
 

Comentar:


Código de segurança
Atualizar

Avaliação do Usuário: / 3
PiorMelhor 

Login

Login Cadastro

Login para sua conta

Sem conta? Campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.

Por favor, informe um Nome de Usuário válido. Sem espaços, com pelo menos 2 caracteres e contendo apenas letras e números.
Por favor, informe um Senha válido. Sem espaços, com pelo menos 4 caracteres e contendo apenas letras e números.
Senhas não conferem.
Por favor, informe um endereço de e-mail válido.
E-mails não conferem. ?>


Quem está Online

Nós temos 246 visitantes online

Estatísticas

Visualizações : 20375034
English Chinese (Simplified) Dutch French German Italian Japanese Russian Spanish